Filme ” INVICTUS “

3 de Março de 2010

Na passada 2ª feira fui ver o filme ” INVICTUS ” do realizador Clint Eastwood (cujo trabalho aprecio) e que contou nos principais papeis com a participação de elevada qualidade de Morgan Freeman(no papel de Mandela) e Matt Damon(no papel de François Pienaar, capitão da equipa de raguebi “Springboks ” da África do Sul.

O realizador Clint Eastwood pegou num pormenor (equipa de raguebi) e conseguiu fazer um filme de emoções.

Depois de ter passado 27 anos numa prisão em Robben Island, Mandela foi libertado por ordem de Frederick de Klerk.

Na altura da libertação de Mandela, o País vivia mergulhado em ódios ancestrais, fruto do racismo e

e venceu.

Clint Eastwood conseguiu transmitir emoção a rodos nas cenas finais. A África do Sul multicultural e multiracial uniu-se à volta da sua selecção.

À noite, reflectindo sobre o filme tirei 2 conclusões :

- Mandela depois de passar 27 anos numa prisão, não se vingou dos seus algozes, bem pelo contrário impôs a concórdia e a tolerância. Só os seres superiores (e quase deuses) conseguem, depois de tantas injustiças sofridas, saber perdoar e ser tolerantes. Como o Mundo seria melhor, se cada um de nós, no dia a dia, fosse mais tolerante.

- Um País só consegue vencer as dificuldades que tem pela frente, escolhendo objectivos bem definidos e lutando, com todas as forças, para os alcançar.

Fiz a mim próprio estas perguntas :

- Qual é o objectivo principal que Portugal quer alcançar nos próximos 10 anos ?

- Como unir boas vontades e capacidades de liderança responsáveis para alcançar esses objectivos ?

- Como evitar tantos comportamentos autocráticos de algumas classes dirigentes, que atropelam tudo e todos ?

For the longest time, I felt like reading order-essay-online.net the dictionary was tedious when compared to other books because I didn’t think it told a story

{ 1 comentário… lê abaixo ou adiciona }

Norberto Castro 4 de Março de 2010 às 14:07

Prof,
Quanto ás questões, quem me dera a mim, saber responder-lhe.
Mas quanto ao filme, é de facto memorável: Eastwood vintage.

Responder

Anterior:

Seguinte: